Revista Cult » A arte de escrever para idiotas

Memória, pensamento, diálogo: comunicação

“Sem pensamento não há diálogo possível, nem emancipação em nível algum.”

Como comunicar pensamentos com tradução e compreensão fácil dos seus significados a qualquer um ? Como transmitir informação, transferindo conhecimento à pessoas simples, sem leitura, desinformadas e despolitizadas? Como dar significado ao insignificante na construção de conceitos e valores?

Penso que, dentro de todas as nossas camadas de idiotia natural e cultural, das quais queremos sair, desvencilhar, evoluir … mas, estamos presos a midiotização imposta

goela abaixo por mentiras que viram “certezas” , reptidas vezes, a exaustão, ( como fez com muita desenvoltura técnica, o Goebbels, chefe da propaganda de Hitler, e foi infelizmente, bem entendido, como vocês mesmos reconhecem.

Também, penso que, se não der conta de vencer o terrorismo midiático que midiotiza, (ainda tenho esperança na liberdade das novas tecnologias), prefiro ser troglodita no meio do mato da Serra da Canastra, minhas raizes ancestrais.
Valeu a reflexão, parabéns!

Revista Cult » A arte de escrever para idiotas.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s